Estudar arquitetura no exterior: quais as vantagens?

Estudar arquitetura no exterior: quais as vantagens?
26 de março de 2018 Belas Artes

estudar arquitetura no exterior

Tem vontade de viajar? Conhecer um monte de outros lugares, cidades, culturas, encher sua bagagem de momentos inesquecíveis e experiências memoráveis? Se você está considerando estudar arquitetura e urbanismo, essa sua vontade de conhecer o mundo pode ser uma grande vantagem para construir seu repertório profissional e torná-lo um arquiteto diferenciado no mercado de trabalho.

Pensando para além da diversão que uma viagem sempre traz, já considerou estudar arquitetura no exterior? Descubra a seguir 5 vantagens que essa experiência pode lhe proporcionar.

1. Por que estudar arquitetura no exterior?

Se você considera estudar arquitetura no exterior, você está considerando vivenciar outra cultura e consequentemente, entender todo um comportamento de uma sociedade através de sua arquitetura.

Ao estudar arquitetura no exterior você vai ampliar o seu universo, o seu conhecimento e poderá testemunhar, conhecer bem de perto monumentos históricos que você viu na internet, leu e estudou. Pode ser uma experiência que vai lhe trazer outra abordagem sobre a arquitetura, um completo entendimento das matérias que você estuda ao longo da faculdade.

2. Troca de conhecimento

Ao investir em estudar arquitetura no exterior, você está investimento principalmente no intercâmbio de conhecimentos. Você vai ter a oportunidade de aprender técnicas diferentes, conhecer materiais diferentes dos que são utilizados por você no seu país, além de ampliar suas referências.

Já pensou na execução dos projetos e maquetes? Imagina o quão enriquecedor pode ser desenvolver seus projetos com os recursos locais da cidade do seu intercâmbio? A estrutura de laboratórios, disponibilidade de materiais e recursos, toda essa experiência vai lhe agregar muito conhecimento e versatilidade na profissão.

estudar arquitetura no exterior

3. Ampliar seu networking

Ao estudar arquitetura no exterior, você terá contato com os professores, alunos e demais profissionais da universidade relacionados ao curso. Muitas vezes, os professores, técnicos de laboratórios e auxiliares de classe também atuam no mercado de trabalho local, além da universidade. Esse contato pode ser uma grande oportunidade de desenvolver seus estudos de forma qualificada e ampliar sua rede de contatos.

Muitas vezes, os professores são pessoas reconhecidas na área e podem ser grandes referências para encaminhar portfólio, pedir alguma orientação profissional ou até mesmo trocar ideias sobre algum projeto. O mesmo acontece com os seus colegas de intercâmbio, que serão futuros profissionais qualificados e grandes oportunidades de troca de ideias, conhecimentos e até mesmo possíveis parceiros de projetos.

4. Desenvolver uma segunda língua

É bem provável que você faça inglês ou espanhol desde pequeno e considere ter o domínio da língua. Obviamente que já ajuda enormemente você ir estudar arquitetura no exterior já sabendo a língua. Inclusive, muitas universidades só aceitam os estudantes após provarem a proficiência no idioma, afinal, como você conseguiria acompanhar as aulas, certo?

Mas, ao passar uma temporada estudando em outro país, imerso em outra cultura, você vai ver que na verdade você tem todos os ingredientes do bolo, mas que isso não quer dizer que você saiba fazer esse bolo. Ou seja, você sabe o idioma, mas não tem a vivência dele. Consegue entender, mas trava para falar. Desse modo, ao estudar arquitetura no exterior você também vai dar um boost no seu segundo idioma.

5. Autonomia

Ao vivenciar uma experiência no exterior, longe da sua casa, da sua família, dos seus amigos, você vai perceber o tanto que isso vai agregar para o seu crescimento pessoal. Sair da sua zona de conforto, propor-se estudar arquitetura no exterior, propor-se aprender um tanto de referências novas, em um lugar que você não conhece, vai lhe demandar uma maturidade e um autoconhecimento que você vai levar para o resto da sua vida.

Ao estudar no exterior você possivelmente vai se tornar um aluno mais ativo, interessado em correr atrás dos assuntos que lhe despertam curiosidade e constantemente agregar conhecimento. O que, sem dúvida, vai torná-lo um profissional diferenciado no mercado de trabalho.

Ficou animado com essas 5 vantagens de estudar arquitetura no exterior? Compartilhe conosco seus projetos aqui nos comentários.

Ficou com alguma dúvida? Fale com a gente! Quem sabe não conseguimos ajudar com os seus planos?

Top