Curso de arquitetura: existem pré-requisitos?

Curso de arquitetura: existem pré-requisitos?
29 de dezembro de 2017 Belas Artes

arquitetura

Você está pensando em fazer arquitetura, mas está com algumas dúvidas? Não está nem conseguindo se concentrar nas suas séries favoritas? Será que você precisa ser um desenhista sensacional? Um gênio da matemática para fazer os cálculos? Ou então um amante inveterado da arte e pela História? Calma aí! Respira e segue aqui a leitura, que você vai ver se existem pré-requisitos para fazer arquitetura e acalmar o seu coração.

É fundamental que você se dedique para se formar em arquitetura

Não tem como fugir desse pré-requisito se você quer se tornar um profissional competitivo e qualificado para o mercado de trabalho. No curso de arquitetura você vai ter que se dedicar de corpo e alma e isso inclui sacrificar alguns finais de semana, algumas boas noites de sono, deixar para ver aquela série que está todo mundo comentado depois.

Ao longo da sua graduação em arquitetura você vai ter que dedicar longas horas em leituras fundamentais, muito tempo na elaboração de maquetes e projetos 3D e longos treinos para melhorar seus dotes de desenhos. Sem contar nos estudos de comportamento dos materiais, nos cálculos e outras habilidades das exatas que você precisará ter.

Gostar de ler vai tornar sua jornada menos sofrida

Durante a faculdade de arquitetura você vai estudar sobre a história da arte, desenho arquitetônico, vertentes artísticas e até mesmo arquitetos de expressão no cenário nacional e mundial. Todos esses conceitos serão fundamentais para sua formação profissional e você só vai conseguir adquirir esse conhecimento através das leituras.

Adquirir o hábito de ler e fazer suas anotações e resumos vai te poupar bastante tempo quando precisar retomar o conteúdo para uma prova, por exemplo. Uma vez que você já leu, estudou e assimilou o conteúdo, ao recorrer às suas anotações você vai ganhar tempo e relembrar os pontos fundamentais da referida matéria.

Prepare-se para as matérias de exatas

Pois é. Você vai ter que mexer com cálculo, saber sobre as propriedades físicas e químicas de alguns materiais, dentre outras habilidades na área de exatas. A notícia boa é que no exercício da profissão, fazer cálculos não será uma atividade tão recorrente.

Durante a sua formação em arquitetura dedique-se às matérias sobre os comportamentos físicos e químicos dos materiais. Isso poderá ser seu diferencial competitivo no mercado de trabalho ao propor soluções viáveis, interessantes e com um bom custo-benefício para o cliente.

Desenhar brilhantemente não é um pré-requisito

Para fazer a faculdade de arquitetura, você não precisa desenhar maravilhosamente bem. Com a evolução dos softwares de projeção e modelagem, a demanda por projetos nesses programas é muito maior do que pelos projetos desenhados à mão livre.

Durante a sua graduação em arquitetura você vai aprender técnicas que vão auxiliar no desenvolvimento do seu traço e te darão capacidade para esboçar suas ideias através dos desenhos.

Seja criativo

Ser criativo não é um pré-requisito para fazer arquitetura, mas vai ser seu diferencial profissional no mercado de trabalho. Ao projetar um ambiente, um edifício ou qualquer outra estrutura, a sua criatividade será o seu diferencial para conquistar o cliente. Mas aqui vale um ponto de atenção: a sua criatividade tem que estar de acordo com o briefing do cliente, ok? Não adianta você ser criativo e não atender às solicitações feitas pelo cliente, afinal de contas, você está projetando algo para ele e não para você.

Ficou mais calmo agora, conhecendo o que é necessário e os requisitos para estudar arquitetura? Compartilhe conosco suas dúvidas deixando seu comentário. Estamos aqui para ajudar na escolha da sua faculdade.

Top